A influência da Umidade do Ar na sua Corrida

Luís Rafael Rocha      quinta-feira, 5 de julho de 2018

Compartilhe esta página com seus amigos

A terminologia Umidade do Ar é muito utilizada na meteorologia, é um dos indicadores usados para saber como o tempo se comportará (fazer previsões), mas você sabe como ela tem influência no seu desempenho durante sua corrida? E quais transtornos podem ocorrer nos seus treinos devido a variação da umidade do ar?

Na Maratona da cidade do Rio de Janeiro em 2018, alguns dos meus atletas sentiram no corpo a influência da alta umidade do ar durante a prova. No pós prova, relataram certa estranheza com o clima ameno e céu nublado, o que poderia ter proporcionado um melhor desempenho, porém esquecendo de observar a elevada umidade do ar que fez no dia da corrida.

E o que é exatamente a umidade do ar? É a determinada quantidade de vapor de água contido na atmosfera. Quando a umidade do ar esta elevada, maior é a sensação de calor que sentimos. Isso ocorre devido a transpiração realizada pelo nosso corpo para regulação da temperatura interna. Ao transpirar, a alta umidade do ar impede a evaporação do suor da nossa pele, deixando a sensação de clima bem acima do que é mostrado no termômetro.

TESTE 7 DIAS GRÁTIS - Acompanhamento Assessoria Esportiva

Ao correr, nosso corpo naturalmente eleva a temperatura, e se além disso a umidade do ar estiver alta, pode ocorrer superaquecimento da temperatura interna do corpo gerando quadros de desidratação, câimbras, elevação da frequência cardíaca e dificuldade na respiração e em casos mais extremos, podendo ocorrer elevação da temperatura do cérebro fazendo com que o atleta perca o controle sobre a mecânica do próprio corpo e possíveis prejuízos em suas habilidade mentais.

correr-baixa-umidade

Ao contrário, quando a umidade do ar estiver baixa (menos que 30%) quem ganha evidência são os problemas respiratórios, como alergias, sinusites, asma e bronquite são os incômodos mais comuns, prejudicando a realização de exercícios físicos, a corrida.

Essas variações de umidade e os desconfortos gerados são sentidos com bastante frequência por corredores que costumam treinar na cidade onde mora, mas viaja para outra cidade, estado e até país onde as condições climáticas são totalmente diferentes. Um exemplo já citado anteriormente é a Maratona do Rio de Janeiro, onde a umidade do ar juntamente com a elevada temperatura costuma ser um potencial adversários de corredores desavisados.

Umidade favorável para corrida

  • Umidade Ideal: entre 70% e 40%;
  • Estado de atenção: entre 30% e 21% (evite se expor ao sol das 11h às 15h);
  • Estado de alerta: entre 20% e 13% (evite se expor ao sol das 10h às 16h);
  • Estado de emergência: abaixo de 12% (evite a prática de exercícios).

(Fonte de dados: http://www.webrun.com.br)

Quer uma planilha de corrida com acompanhamento técnico 24h do seu dia? 

Dicas para sua corrida

  • Optar por correr nos horários da manhã (até às 09h00) ou no fim da tarde;
  • Aumentar os cuidados com a hidratação;
  • Monitore seus batimentos cardíacos e caso note que a sensação de esforço está acima do comum, faça uma pausa.
  • Lavar as narinas com soro fisiológico antes da atividade física;

Sempre vale lembrar que cada corredor tem suas particularidades e pode sofrer mais ou menos influência da umidade do ar em sua corrida. No momento da escolha da prova onde deseja bater o seu recorde pessoal leve em consideração esse item e opte por uma cidade com as condições climáticas mais parecidas com o seu local de treino.

BONS TREINOS!

Treinamento de Corrida de Rua / Corrida de Montanha / Trail Running

 

Comentários